13 de ago de 2010

Declaração


Se sempre vou te amar? talvez sim, talvez não eis esta a questão, apenas sabendo que você não estara comigo pelos proximos anos isso ja me deixa a pessoa mais triste do mundo, cansei de você, você naõ me dá bola, você naõ liga pra mim, você nunca vai ligar pra mim, eu te juro que meu amor por você é o mais verdadeiro que ja se pode ter, nanhuma pessoa do mundo irá saber quem é você.Mesmo você nunca sabendo se eu te amo ou não eu continuo aqui no meu universo PLATÔNICO esperando algum dia uma resposta sua, minha esperança é que um dia agente possar ser apenas 1 minuto feliz. Quero que você, mesmo não estando comigo, mesmo estando com outra pessoa, quero que você seje a pessoa mais feliz do mundo, te desejo toda a felicidade pra você. Naõ podemos fazer um final feliz juntos e muito menos fazer uma linda história de amor, somos completamente diferentes, cada um em um universo, mas a amizade sempre irá prevalecer; OBG por fazer o meu dia uma nova conquista e entre tantos desafios que tive na vida consegui superar todos por você. Você pode ser a ultima pessoa a saber que eu te amo mas sempre será a primeira no meu coração. Te desejo toda sorte do mundo e que você seja feliz muito, muito feliz, pois é com a felicidade que conquistamos as melhores coisas da vida. Aprendi isso com você. Teamoõ, hojê, amanhã e sempre.

6 comentários:

Pontes disse...

Amor próprio >>> amor platônico. Lembre-se disso.

Camila disse...

Não esqueça que vc existe!
E esse amor é idealização...
seguindo..bjs

Anônimo disse...

O que vale é aquilo que sentimos.. seja o que for! Adorei o blog.. vai lá no meu

http://acasadesaturno.blogspot.com/

Victor Cupertino disse...

ei! pode me add no msn? quero te perguntar uma coisa.
sirwilsonband@hotmail.com

David simmons disse...

Gostei muito da frase: O último capítulo de um livro, não significa a última página de uma história.
É sua mesmo?
blog muito original. Parabens!
depois da uma passada no meu blog
http://dmvsantos.blogspot.com/

G... M..... disse...

lindo amei

Postar um comentário