27 de set de 2010

CHORO

E quando a chuva cai, batendo na janela do meu quarto, sussurando o meu nome, eu me lembro de nós dois, ao beijos na quela tarde chuvosa, na qual você me prometeu amor eterno, mais acabou que você me esqueceu assim sem mais nem menos, e hoje quando a chuva cai aqui, eu me lembro de nós como eu e você, simplesmente duas coisas totalmente diferentes, que um dia foram capazes de se completar, mais o tempo as separou sem motivo algúm, e fez duer um coração, que hoje está se cicatrizando de tanta dor e nem sabe o porque, mais esse coração chora no ritmo da chuva, que tanto me faz lembrar do que um dia fomos e perdemos tudo isso ;/

0 comentários:

Postar um comentário