4 de out de 2010

Eu tive...

Eu tive que cair, pra crescer. Eu tive que perder tudo, pra aprender que não se pode ganhar todas as coisas. Eu tive que derramar lágrimas todas as noites, pra limpar minha alma. Eu tive que fingir ser forte, e sorrir, quando lá dentro, eu estava desabando. Eu fiquei frente à frente com você, na beira do abismo, pra entender de uma vez, que você não é o cara certo pra mim, pois se eu me atirasse no mais profundo abismo, você não ia me estender a mão. A vida nos oferece diversas oportunidades. Cabe a nós, e só a nós escolher aceitá-las, ou não. A verdade está na nossa frente, mas basta pôr um óculos escuro, pra enxergar uma outra realidade. Eu aprendi, que promessas não são pra sempre, e que amores, nem sempre são sinceros. Eu aprendi, que se eu caio, é pro meu bem. E que se me derrubam, é porque eu preciso aprender a me levantar sozinha.!

1 comentários:

Letícia R. disse...

Não podemos esperar que façam algo por nós. Não temos que depender dos outros. Temos que dar o nosso melhor para nós mesmos sempre, até porque nem sempre estaremos acompanhados. Nos machucamos pra aprender algo. Nada nos ensina mais do que a própria dor.
Gostei muito do seu texto, bem expressivo. Me identifiquei bastante com o que você escreveu.

Postar um comentário